64746474

15 setembro 2015
como-destacar-emprego-dicas
Veja dicas para se transformar no profissional que toda empresa sonha em ter

Para evitar que o desemprego bata à sua porta, a solução é trabalhar para ser um profissional cada vez melhor, potencializando qualidades e reavaliando posturas que podem comprometer seu desempenho. Afinal, boas oportunidades aparecem para quem tem vontade de crescer, é proativo e se esforça para aprender.

Além desse comprometimento, no entanto, é preciso saber mostrar a colegas e gestores o quanto vem se dedicando. “Muitos profissionais têm vergonha ou não sabem como fazer o famoso marketing pessoal. Mas, junto com garantir bons resultados, saber se promover é importantíssimo dentro da empresa”, alerta Bruno Bruhns, coach pessoal e de carreira. Veja abaixo as dicas do especialista para se destacar no trabalho e espantar o desemprego!

Pense como o dono

Pensar como o dono é ter visão. Procure enxergar o negócio da empresa como um todo. Junto a isso, fique atento às pequenas possibilidades de mudança que você pode oferecer para a empresa e que resultarão em grandes efeitos. Isso sem esquecer que você foi contratado para entregar algum tipo de resultado. Mantenha-se também focado em devolver para a empresa o investimento mensal que ela faz em você.

Comprometa-se consigo mesmo

Tenha em mente sempre os resultados que você quer para sua vida e como o trabalho contribui para isso. “Não conseguimos trazer resultado de forma excelente e permanente se não vemos sentido no que fazemos”, explica Bruno. “É fundamental ter visão e entender o seu papel no todo, entendo que o resultado para a empresa é resultado para você também. Uma baixa performance não é necessariamente culpa do gestor, mas de uma decisão pessoal em não trazer resultados para a própria vida”, complementa o coach. Portanto, dedique-se e cresça pessoalmente junto com a empresa e com a sua carreira.

Seja confiável

Aqui, a dica trata não somente de agir de forma ética, o que é fundamental para criar relações duradouras, mas também de ser um profissional no qual colegas e gestores podem confiar. “Escorregamos nesse quesito corriqueiramente. Quando nos pedem algo e dizemos, por exemplo, que vamos tentar fazer, não passamos confiança. É muito diferente de dizer ‘eu farei’. Observar a nossa fala é muito importante. Se nos comprometemos com algo, é porque vamos fazer. Se damos uma resposta é porque é a certa. Não podemos passar uma informação para frente se não temos certeza dela.“ aconselha Bruno.

Aprenda sempre!

Jamais desperdice uma oportunidade de crescer como profissional. Palestras, treinamentos, workshops… sempre que a companhia oferecer algo que puder participar, esteja lá. Um profissional que demonstra interesse e desejo de desenvolver-se mostra uma vontade de evoluir na empresa e na carreira. Quem tem vontade de aprender sempre será valorizado. Toda vivência é boa pois oferece um campo enorme de crescimento. Pense que passar por uma experiência e não tirar dela um aprendizado é jogar essa oportunidade de crescimento fora! Observe o seu dia, seus relacionamentos, a atividade que você está fazendo e pergunte-se, “como eu posso fazer isso melhor? Como eu posso melhorar o minha relação com o meu chefe e colegas?”

Invista nos relacionamentos

Procure conhecer seus colegas e gestores. Momentos de descontração, como o almoço ou o happy hour são importantes para construir laços com os profissionais ao seu redor. Lembre-se que ninguém chega a lugar nenhum sozinho. “Uma ótima maneira de construir bons relacionamentos no ambiente profissional é ajudando colegas. Não se sobrecarregue ou deixe de fazer o seu trabalho, mas sempre que possível, contribua com o time”, aconselha Bruno.

Seja a solução e não o problema

Sempre que estiver diante de uma situação difícil, não seja aquele profissional que só reclama. Assuma responsabilidade, atue de forma proativa e resolva o problema. Pense em imprevistos como oportunidades para mostrar sua eficiência. Quer melhor situação para que um gestor veja o quanto você é importante para a empresa do que lidar com um problema de forma eficaz?

3 dicas para não entrar no vermelho em caso de desemprego

1 – Veja o que pode ser cortado

“É hora de avaliar suas contas, fazer a revisão de todos os gastos e analisar o que realmente é prioridade. É preciso enxugar os gastos diários”, afirma José Vignoli, educador financeiro do Portal Meu Bolso Feliz. Reduza as saídas para comer fora, presentes fora de hora, compras impulsivas, gastos não planejados. Nesta fase, deve-se gastar somente com o necessário. “Além disso, pode-se também cortar alguns serviços, renegociar a tarifa de TV a cabo, internet, telefonia ou até rever prazo de pagamento de bens adquiridos”, aconselha Vignoli.

2 – Converse com a família

“Na missão de reduzir os gastos, a família deve estar totalmente comprometida, entendendo a situação e contribuindo, cada um à sua maneira, para cortar despesas”, diz Vignoli. Supérfluos no mercado, custos com celular, academia, tudo isso deve ser revisto, o que afetará diretamente a família.

3 – Renegocie suas dívidas

Caso tenha dívidas, procure renegociar ou o pagamento completo da quantia ou o valor das parcelas, já que pode não conseguir honrar com esse compromisso. No caso de dívidas com altas taxas de juros, que fazem o montante aumentar rapidamente, em especial de cheque especial e cartão de crédito, utilize o valor da rescisão e do Fundo de Garantia – se tiver – para se livrar delas. Quitar os valores evita que os juros da dívida cresçam e ela se torne impagável a longo prazo. Lembre-se que, não conseguindo quitar suas dívidas, pode acabar com o nome sujo, o que tornará ainda mais complicado encontrar um novo emprego.

Saiba mais:

7 dicas para renegociar suas dívidas

É possível ser feliz gastando pouco

10 trabalhos para ganhar uma grana extra

Perdi o emprego, é agora?

Paula Aftimus

Paula Aftimus

Jornalista com especialização na State University of New York, editora de publicações e portais do Grupo Abril e especialista em mídias digitais. Passagem acadêmica pelas áreas de Serviço Social e Educação e MBA em Gerenciamento de Projetos pela FGV

Veja também

como-ficar-moda-verao-gastando-pouco
Fique na moda neste verão sem gastar muito
Mostramos as peças que farão sucesso na estação e como combiná-las com o que você já possui no armário  [...]
mbf_banners_portal_223x86_08
Dicas para chegar a uma aposentadoria tranquila
Caso já tenha chegado aos 60, veja como aumentar sua renda e não cair na inadimplência. O segundo detalhame  [...]
mbf_banner_noticias_04
4 passos para realizar o tratamento de beleza dos seus sonhos
Realizar esses sonhos de consumo é perfeitamente viável, só depende de um planejamento adequado.  [...]