48504850

01 outubro 2014

mbf_banner_noticias_14

Optar por esse tipo de compra pode ser uma boa escolha, mas exige alguns cuidados. Veja como aproveitar seus benefícios sem se endividar

Outlets, para quem não sabe, é a denominação para um mercado no qual os produtores e indústrias vendem seus produtos diretamente ao público, geralmente com descontos que variam de 20% a 80%, nas compras de roupas de coleções passadas de grandes marcas. O nome, em inglês, significa saída, passagem e mercado porque os outlets geralmente ficam nas saídas de grandes cidades.

Mas, apesar dos bons preços, é preciso paciência e atenção para que a economia valha a pena. Gastos acima do limite, frustrações e compra de peças desnecessárias acabam sendo mais comuns do que se imagina. A escritora e colunista de moda Cris Guerra, alerta que, no Brasil, ainda existe uma ilusão com o termo outlet – tanto físicos quanto virtuais. As pessoas querem fazer um belo negócio, mas precisam ter cuidado: “a ida a um outlet físico é como uma caçada. É necessário ter foco para encontrar alguns achados, ou seja, peças boas e baratas.”

Para a economista chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, ir a outlets exige cuidados especiais, mas a intenção mostra que a pessoa quer economizar: “Isso mostra que a pessoa está se programando para gastar em peças mais baratas”. E se esse é seu caso, fique atenta às dicas para aproveitar o melhor dos outlets,  mas sem se endividar.

 

SAIBA COMO TIRAR PROVEITO DOS OUTLETS FÍSICOS

1- Faça um planejamento. Guardar uma quantia destinada à compras na poupança é uma boa opção, assim quando for comprar em outlets, não corre o risco de você se endividar.

2- Como as estações do ano no Brasil não são bem definidas, não há a necessidade de gastar em muitas peças iguais como, por exemplo, casacos. Por isso, invista em peças clássicas como jeans, saias simples e camisas brancas, e em cores sóbrias, porque vão durar mais do que uma estação;

3- Invista em peças de boa qualidade, como uma calça, jaqueta ou um blazer, ainda que o preço seja maior, ela é atemporal e resiste a modismos.

4- Defina dois períodos para compras: um no início do ano e outra na metade dele. Outra opção é ir a outlets quando precisa de algo específico como um vestido mais chique ou acessórios de ginástica, por exemplo.

5- Faça uma lista do que precisa antes de ir às compras. Assim, fica mais fácil garimpar o local e só comprar o que realmente precisa.

6- Ao fazer compras em outlets, leve sempre uma quantia fixa em dinheiro para não correr o risco de sentir tentado a comprar o que não precisa.

7- Antes de ir às compras, pesquise a coleção atual e veja os preços expostos. Muitas vezes não existe diferença entre o valor da loja e do outlet.

8- Pergunte sempre sobre os prazos, política de troca e devoluções em cada outlet para evitar dores de cabeça futuras.

9- Exija nota fiscal sempre, é sua garantia que foi feita a compra no estabelecimento escolhido.

 

OUTLETS VIRTUAIS

Ao optar por compras online, pesquise os melhores sites e busque comentários de pessoas que têm experiência no assunto. Além disso, leia atentamente as regras de cada outlet e atente-se à política de troca, que sempre está presente no site. No caso do outlet Privalia, por exemplo, o consumidor tem  7 dias corridos para exercer seu direito de arrependimento.

Por fim, antes de adquirir algo, veja quais são as regras da boa compra online e as melhores maneiras de evitar a tentação.

Lista de outlets que funcionam na web

Privalia (roupas, acessórios e sapatos femininos, masculinos e infantis)

Brands Club (roupas e acessórios femininos e masculinos)

OutletHouse (roupas femininas e masculinas)

Dedeka Outlet (roupas e acessórios infantil)

 

Natália Chagas

Natália Chagas

Jornalista, com especialização em marketing e vasta experiência em revistas e portais de notícia. Foi editora de mídias digitais do grupo GR1 Editora e produziu conteúdo para diversas publicações do Grupo Abril, Editora Globo, Folha de São Paulo, entre outros.

Veja também

emprestimoNoticia
7 dicas para a contratação de um empréstimo
Contratar empréstimos é uma prática comum para muitos brasileiros, mas muitos se descontrolam e acabam inad  [...]
mbf_banner_noticias_19-gr24q
Como garantir uma aposentadoria tranquila?
Mesmo mais velho ou com dívidas você pode começar a investir em um futuro mais seguro Você sempre viveu o   [...]
inadimplente
33% dos brasileiros estão inadimplentes
Estimativa do SPC Brasil revela que já são mais de 52 milhões de pessoas com o nome sujo no país. Entenda   [...]