Poupança

O que é?

Caderneta de poupança é a aplicação mais popular e mais simples do mercado. É um investimento de baixo risco e com rendimento, em geral, um pouco acima da inflação.

Que risco eu corro?

O risco é baixo, pois ela conta uma sólida garantia do mercado, que é o Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que garante aplicações de até R$ 250 mil. Ou seja, mesmo se o banco  falir, você recebe o dinheiro aplicado até o limite acima.

Muita gente acha que o retorno da poupança é baixo. A verdade é que qualquer investimento com baixo risco tem retorno baixo. Assim, se você quiser correr pouco risco e tem menos de R$ 5.000 para aplicar por um curto período (um ano ou menos), a poupança é em geral o melhor e mais rentável. Agora, se você tem mais de R$ 5.000 ou quer aplicar por um período maior, outras opções começam a ser interessantes.

A rentabilidade da poupança é de 0,5% ao mês mais a variação de uma taxa do governo, a TR (Taxa Referencial), se a taxa de juros do Banco Central (taxa Selic) for maior que 8,5% ao ano. Se essa taxa do Banco Central for menor ou igual a 8,5% ao ano, o rendimento da poupança será de 70% da taxa Selic mais a TR. (Fonte: lei 8177 http://www.planalto.gov.br/CCIVIL_03/_Ato2011-2014/2012/Lei/L12703.htm)

Na prática, o rendimento fica em torno de 0,5% ao mês ou um pouco menos.

Quanto pago de imposto?

A poupança tem uma grande vantagem: não há cobrança de nenhum tipo de imposto, como ocorre em outras modalidades de investimento.

Você pode aplicar qualquer valor e não paga nem Imposto de Renda, nem o chamado IOF (Imposto sobre Operações Financeiras). Você deve ficar atento sobre as tarifas que o banco cobra para abrir e manter sua conta. Também não há cobrança de tarifa se a pessoa abrir uma conta poupança. Por isso, vale a pena pesquisar.

Como faço para aplicar?

Todos os bancos comerciais oferecem essa modalidade de investimento, e não é preciso ter conta corrente na instituição para abrir sua poupança. Basta ir a uma agência, de preferência a mais perto de sua casa ou trabalho, levando os seguintes documentos, com cópias: CPF, carteira de identidade e comprovante de residência.

DICA

Quem deve investir na poupança?

A poupança é mais indicada para quem têm recursos limitados e quer fazer um investimento simples e seguro, pois não há limite de valor para aplicação e resgate. O saldo de aplicação pode ser de apenas um centavo e não há taxa de administração. Você pode resgatar seu dinheiro quando necessário.

Fique atento para valores mais elevados (a partir de, por exemplo, R$ 30.000,00), e principalmente para quem deseja aplicar por um prazo mais longo, há outros tipos de investimentos mais rentáveis.

Outros tipos de investimentos:

Tire suas dúvidas sobre este assunto

Converse com o especialista Converse com o especialista

Fatal error: Call to a member function show() on a non-object in /home/meubolso/public_html/wp-content/themes/bolsofeliz/page-internas-tipos-de-investimentos.php on line 121