É uma forma jurídica de constituir uma empresa na qual o capital social está dividido em ações que podem ser transacionadas livremente. A responsabilidade dos sócios ou acionistas fica condicionada pelo preço de emissão das ações adquiridas. A sociedade anônima é “aberta” quando capta recursos com o público e é “fechada” quando vem dos próprios acionistas.