93809380

21 março 2018

Sim, dá para aproveitar a Páscoa, basta ter um planejamento e se atentar às dicas abaixo

Quer passar uma Páscoa gastando pouco? O segredo está no planejamento. Ele impede que você aja por impulso e gaste mais do que pode. Então, aproveite que ainda temos uma semana antes do feriadão de Páscoa e use sua criatividade para variar – e economizar. E não se preocupe: você não precisa cortar de vez as tradições que tanto ama!

“A melhor Páscoa é aquela que não prejudica seu orçamento. Acabamos de sair das festas de final de ano, férias e do feriado de Carnaval. Não existe obrigação de ter de fazer algo que fuja à sua realidade financeira no feriado na Páscoa”, diz o educador financeiro do Portal Meu Bolso Feliz, José Vignoli. A dica do especialista é ser feliz dentro das suas possibilidades, não deixando de aproveitar a vida, mas pensando no futuro.

Na prática, use a criatividade para fugir do comum e ter uma Páscoa barata – quando o assunto for chocolate, troque ovos por barras ou bombons, marcas famosas por marcas caseiras e artesanais.

Veja como não desequilibrar as finanças nos feriados.

A turma do Ovo do Páscoa

Páscoa barata

Se você ainda é adepto aos ovos de Páscoa, saiba que não está sozinho e que é possível comprar ovos sem estourar o orçamento. Mas esteja atento e faça muitas pesquisas de preços. A variação de valores dos produtos nos mercados pode ser superior a 100%, segundo o Procon.

Ainda assim, o setor continua otimista com as vendas. Só para se ter uma ideia, em 2017, a produção de chocolate foi equivalente a 36 milhões de ovos de páscoa, segundo a Associação Brasileira das Indústrias de Cacau, Chocolate, Amendoim, Balas e Derivados (Abicab). O volume de chocolates para a Páscoa de 2018 ainda não foi fechado, mas o mercado espera um aumento de produção, devido à leve recuperação da economia desde o fim do ano passado, com queda da inflação, juros mais baixos e retomada da confiança do consumidor.

“A pressão social por parte da publicidade, que bombardeia o consumidor, nos dá essa sensação de desconforto quando ficamos de fora”, explica a consultora de psicologia econômica e de educação financeira, Vera Rita de Mello Ferreira. “Além disso, o ser humano tende a manter os hábitos conhecidos, a repetir tudo que está acostumado a fazer. Se todo ano, por exemplo, compramos ovo, fica a sensação de que nesse ano não dá para fazer diferente. Ficamos desconfortáveis apenas de pensar em mudar”, completa.

Por que os ovos são mais caros?

De acordo com a Abicab, a produção dos ovos de Páscoa é mais complexa do que a produção das barras. Sem contar que a embalagem é feita manualmente e é maior, elevando os custos. Soma-se ainda a contratação de funcionários temporários e os custos de armazenagem e transporte. A quantidade transportada em um caminhão é, em média, um terço dos chocolates em barra.

Barateie seus hábitos sem acabar com as gostosas tradições!

“Não tem problema comprar ovo de Páscoa se você tiver uma verba separada para isso. O que não dá é entrar no vermelho para presentear a todos nessa época”, alerta Marcela Kawauti, economista-chefe do SPC Brasil.

Que tal combinar com a família um amigo secreto de ovos de Páscoa? Dessa maneira, você só precisará comprar um ovo e todos sairão ganhando.

Se, ainda assim, a vontade de comprar vários ovos vencer, antes de ir ao mercado, é importante fazer uma lista das pessoas a serem contempladas. Se a grana estiver curta, priorize as crianças mais novas. “Para as maiores, explique que vão ganhar chocolates em outros formatos, como os adultos, até mesmo em uma quantidade maior. Pode até ser que as crianças menores também queiram chocolates em barras, pois crianças pequenas gostam de sentir que já são grandes”, sugere Vera Rita.

Você vai ver os sobrinhos e familiares só depois da Páscoa? Então, aproveite para comprar os ovos deles também depois. Os preços podem estar até 50% menores após a data passar.

Na hora das compras, evite levar as crianças com você. “Elas acabam querendo sempre o maior e mais caro, que vêm com surpresas dentro”, diz Marcela. E aproveite ainda os locais que vendem em atacado. Pode ser interessante juntar-se com algum amigo ou alguém da família para comprarem juntos, em maior quantidade, e economizarem.

Não vá ao mercado com pressa. A pressa nos faz agir por impulso. O ideal é primeiro fazer uma pesquisa de preços em vários locais para só depois bater o martelo, com uma lista de compras. “Devemos estar preparados para evitar as tentações que nos são apresentadas. Ir sem uma lista, com pressa ou com fome é a receita para gastar mais do que o necessário”, diz Vignoli.

Para uma Páscoa barata, pesquise os preços online antes de sair de casa para fins de comparação. Se compensar pagar o frete, dá para comprar online mesmo. Para comparar preços, aproveite os sites e aplicativos que ajudam nessa tarefa.

No caixa, confira se os preços estão corretos mesmo. É comum os códigos terem sido cadastrados errados, especialmente em caso de descontos e promoções, e o consumidor que não confere acabar pagando a conta. E evite parcelar as suas compras de Páscoa. Se tiver que recorrer ao parcelamento, é hora de repensar os hábitos.

O grande problema do parcelamento é a falta de controle das contas pessoais e, consequentemente, das parcelas. Na Páscoa, muitos consumidores ainda estão pagando as compras parceladas de Natal, dos impostos do início de ano, do material escolar e das férias”, explica Vignoli.

Quer fugir das marcas grandes? Aposte em ovos caseiros, que podem ser mais baratos e mais gostosos. Bombons recheados também são ótimas opções de lembrancinhas. Mas, claro, é preciso pesquisar bem os preços antes para ver se compensa – ovos artesanais recheados, algumas vezes, podem sair mais caros do que os industrializados.

Outro jeito de fugir do comum é colocar a mão na massa, ou melhor, no chocolate: prepare bombons e pirulitos de chocolates para todos. Vai sair bem mais barato, além de ser uma forma carinhosa de presentear quem se ama.

Confira dicas criativas para presentear nessa Páscoa!

Almoço de Páscoa

O dia de Páscoa também pode ser gostoso, tradicional e barato! Na sexta-feira da Paixão, você pode, por exemplo, substituir o bacalhau por tainha ou namorado, mas mantendo a preparação com batatas, cebolas e azeitonas. Há ainda a opção vegetariana chamada de Jacalhoada, que têm agradado cada vez mais pessoas – pelo sabor e pelo preço!

Para o domingo de Páscoa, em vez de ir a restaurante, economize preparando o almoço em casa. Uma dica é aproveitar os legumes e frutas da estação, mais baratos. Combine com os convidados de cada um levar um prato, bebida ou sobremesa também faz com que a conta não pese para ninguém.

Veja também

mbf-spc-como-organizar-financas-casal
Como organizar as finanças a dois
Veja como casais devem lidar com as finanças para que, juntos, tenham o orçamento em dia, poupem e realizem   [...]
combos-promocionais-dicas-fugir-ciladas
Combos promocionais, cuidado com a tentação
Pacotes mais baratos, planos irresistíveis. Será que todas essas ofertas são mesmo interessantes e fazem be  [...]
carnaval-barato
Curta o Carnaval sem gastar muito e evite roubos e furtos
  Veja dicas para curtir o Carnaval sem gastar muito e como fugir de ciladas durante a festa O Carnaval   [...]